sexta-feira, março 30, 2007

O Stress na vida diária!

Num dia quente, o filho de cinco anos pede um sorvete para a mãe: - Mãe, compra um sorvete pra mim?
- Que coisa, você só me dá prejuízo, pede tudo... não cansa de ficar pedindo o tempo todo não? (Um sermão básico)

A esposa esquece de colocar algo a mais na mesa na hora do almoço, o esposo diz: - Mas será possível que você não sabe fazer nada direito? Está sempre faltando algo?

O esposo chega em casa e não tira os sapatos, a esposa o recebe ‘carinhosamente’: - Tire já estes sapatos na porta, eu cuido tanto e você não colabora? Assim não dá!

Acontece um problema na família e todos fazem questão de dar sua ‘humilde opinião’

No local de trabalho, o chefe humilha o funcionário só porque acordou de ‘mau humor’.
O funcionário desconta no amigo, e este no outro amigo, e assim sucessivamente, um círculo que só se fecha quando chega alguém sensato o bastante para entender as diferenças de cada um.

Destes pequenos exemplos surgem intermináveis discussões. Acusações sem sentido.
Uma insensibilidade tamanha que triste se torna a convivência.

Todos acordam: nenhum bom dia. Todos dormem: nenhum boa noite.
Ninguém pergunta: ‘como foi seu dia?’
Como você se sente?


A falta de consideração pelo outro, o carinho sincero, o respeito mútuo entre as pessoas em geral, está tão ausente, tão distante, que cada um caminha sozinho na vida sem ao menos perceber.


Esquecem que por trás de um filho, uma esposa, um esposo, um amigo, um irmão, existe um ser humano.

Bem verdade que mais vale viver só, do que mal acompanhado. Mas, de onde surge tudo isso? Por que as pessoas estão tão distantes umas das outras?

O stress. O stress da vida diária. Ninguém pára para uma reflexão. Acreditam ser perda de tempo, pois tempo é dinheiro. Quanta pretensão. Quanta ousadia alguém pensar que o dinheiro é a base da felicidade.
Sim, ele é importante e muito. Dizer o contrário é ser hipócrita. Mas afirmar que dinheiro é a base de tudo, realmente é inadmissível.

De que adianta ter conforto, bem estar, um carro do ano, se os fatores principais de um convívio saudável estão ausentes? A harmonia, o respeito, o carinho, a dedicação sincera pelo outro, o amor, o saber que o outro por vezes quer apenas um pouco de paz e silêncio?


Que por qualquer aparente motivo está explodindo? Bobagem viver assim.

As causas do stress podem surgir por Excesso de atividade, Acúmulo de raiva e sentimentos negativos, Problemas de relacionamentos, a Falta de controle perante situações críticas, Preocupação excessiva, Pouco descanso e pouco lazer e também a Dificuldade em lidar com perdas. Frustrações, decepções, amores mal resolvidos, empregos opostos aos sonhados, uma carreira a qual não desejava ter...


Tudo isso desencadeia o stress. Levando a pessoa ao extremo de si mesma, em descontrole total.
Uma redução na qualidade de vida da pessoa extremamente perigosa. Afastando a todos que o cercam.

Sem falar nos sintomas orgânicos:

Cansaço.
Ganho ou perda de peso.
A Pressão Arterial sobe, favorecendo derrames, infartos.
Dores de cabeça (enxaquecas), dores musculares, dores “de coluna”
Bruxismo (significa ranger dentes durante o sono).
Má digestão, gastrites, úlceras.
Acne, pele envelhecida, rugas, olheiras, queda de cabelos, enfraquecimento das unhas.
Diminuição de Libido, Impotência Sexual.
Doenças psicossomáticas.
Ataques de ansiedade.
Ataques de Pânico que podem ou não evoluir para uma Síndrome do Pânico. E por fim... a
Depressão.

O que fazer?

Na maioria dos casos a solução é óbvia, mas difícil de se fazer: mudar hábitos.

Deitar mais cedo, dormir mais,uma alimentação mais saudável, socializar mais com os amigos, dançar, cantar. Praticar esportes, ir ao cinema.
Viajar, tirar férias, curtir a família.
Um bom condicionamento físico é sempre importante.
Em casos extremos, obviamente procurar a ajuda de um profissional e equilibrar o organismo, para que este possa agir a seu favor. Respeite os seus limites. Ria de si mesmo, silencie sua mente.
Meditações, bons pensamentos, manter o bom humor – Busque e cultive sua Paz interior – Ame-se...

Hábitos importantes para evitar o stress. Afinal, ninguém tem culpa de seu mau humor, de seu stress.

Eu pergunto: vale a pena deixar a vida passar em branco com a ‘assinatura do stress’? Alguns talvez nem percebam que estejam estressados, pois a correria diária não permite uma pausa para reflexão.
Ou melhor, a pessoa não se permite. E quando o corpo não agüenta mais, quando as pessoas não agüentam mais a sua presença e lentamente se afastam, eis que este é um aviso indireto da vida dizendo: ‘Acorde’! Desperte para a Vida. A verdadeira Vida. Não a mecânica, a que busca somente as aparências, mas sim, aquela que valoriza a Essência de tudo, principalmente a própria Essência.

As pessoas que nos rodeiam que são ‘estressadas’, sem dúvida são nossos melhores professores e estes mal sabem disso. Mas, chega um determinado momento que torna-se sufocante conviver com discussões, perda de controle emocional. Talvez seja um aviso da Vida pra você, dizendo que está na hora de mudar esta situação. Como? Ouça seu coração, ele lhe dirá o que fazer!

Existe também o stress positivo. Aquele onde afeta a pessoa quando esta consegue uma promoção no emprego, quando está construindo algo para si. (casa, apartamento, um projeto) E a ansiedade invade seus pensamentos e sensações tornando tudo ao redor um verdadeiro martírio. O cuidado e o equilíbrio também devem estar presentes nos bons momentos para saber conduzir a situação com uma mente saudável e equilibrada emocionalmente.

A vida é curta demais para perder tempo com stress, mau humor, lamentações, dúvidas e desconfianças. Estar de bem consigo mesmo é a melhor vacina contra o stress. Não vale a pena estender discussões mínimas, deixar que pequenos fatos do cotidiano acumulem em seu interior até que possam implodir em você.
Sentir raiva, ter sentimentos negativos e nada fazer a respeito é o mesmo que colocar um chapéu de burro e ficar de castigo num canto de uma sala.

Aprenda a ‘canalizar’ esta energia negativa que existe em você. Torne-a em energia positiva, a seu favor. Transforme-se. Recicle-se.
Somos humanos, dotados de sentimentos e pensamentos imperfeitos, e em constante busca da perfeição. Mas como chegar a esta, se não aprendemos ainda a nos cuidar? A reverter um pensamento negativo? A controlar o stress da vida diária?

Pense nisso e mude seus hábitos diários.
Com carinho.
Gênice.
Muito Obrigada.



4 comentários:

Samantha disse...

Poxa Gênice, eu tenho muitos desses sintomas!!! E eu quase não saio mesmo, quase não me distraio, só penso, faculdade, faculdade, faculdade. Acabo descontando nas pessoas que eu gosto, não tinha me dado por conta que podia ser stress. Vou dar um jeito de arrumar um tempinho para o lazer, quem sabe melhoro né? Valeu pela dica! Mil beijos

Bali hai disse...

Gênice, Sensacional!!! muito boa a matéria.Nesse corre-corre do dia, não nos damos conta que estamos trazendo para nós e para os que nos rodeam, tantos conflitos.
São sensações que já se incorporaram em nossas vidas como se fora normal.Felizmente, para nós,você nos da um "toque" do nosso comportamento, e nos faz perceber um outro caminho.
Beijos e flores,
Vera frazao

Joe Gerbase disse...

Tenho percebido que o stress tem seus resultados positivos... por quê?

Para que o desenvolvimento humano se concretize, a oposição é necessária em todas as coisas. O stress é um cansaço físico, intelectual, psíquico, e a renovação da energia só é obtida quando se conhece o lado oposto.

Acredito que, se há uma solução para o sofrimento causado pelo stress, essa solução está na nossa reação ao objeto estressante. Não lembro agora quem, mas um filósofo oriental diz que o stress e a baixa qualidade de vida conseqüente resultam não do que nos acontece, mas da forma como reagimos ao que nos acontece. O stress é cognitivamente produzido, logo, creio que o segredo para voltar a se desenvolver está na forma como reagimos ao meio.

Um grande abraço a todos que participam dessa fonte de luz... e parabéns a vc, Gên, matéria-prima da luz.

Joe Gerbase.

tininha disse...

QUE BEM ME FAZ GÊNICE,
AS SUAS MATÉRIAS.
,OBRIGADA ,VOU TENTAR MELHORAR A MINHA MANEIRA DE SER ,;
VIVO LIMPANDO A CASA ,TAMBEM É GRANDE E NÃO GOSTO DE NADA ATRAZADO ,FICO AFLITA SE NÃO FIZER TUDO RÁPIDO ,NÃO ESQUEÇO A MINHA FAMILIA ,MAS ESQUEÇO DE MIM.
TAMBÉM MEU MARIDO FICA EM CASA O DIA IMTEIRO E NÃO GOSTA QUE EU SAIA ,AS VEZES FICO CHATIADA ,MAS!!!QUE HEI-DE FAZER ,EVITO SAIR E ME FAZ MAL
GOSTARIA, DEPOIS QUE TENHO TUDO FEITO SAIR ,MORO BEM PERTINHO DO SCHOPIMG.
GOSTARIA DE IR ATÉ LÁ ,NEM QUE FOSSE SÓ DAR UMA VOLTA ,ME FARIA BEM .
COMTINUE, SENDO A PESSOA QUE VOÇÊ É ,BEIJINHOS EM SEU CORAÇÃO